Entenda o que é IPTV e como essa tecnologia funciona

A televisão ainda é um dos meios de comunicação de maior alcance em todo o mundo, com vários canais especializados em diferentes tipos de conteúdo. A TV por assinatura traz vários deles, enquanto a TV aberta tem canais com conteúdo mais abrangente. Porém, com a chegada da internet, tanto a dinâmica quanto a infraestrutura associadas a essas redes mudaram bastante, principalmente com o surgimento da IPTV.


Muitas pessoas não sabem o que é IPTV ou confundem o que ela representa. Dependendo das suas preferências de consumo de conteúdo e disponibilidade, pode ser que seja uma alternativa mais interessante que a TV tradicional ou outros serviços de transmissão.


Neste post, explicamos o que é a IPTV, como funciona e como você pode adotar essa tecnologia em sua casa.


Acompanhe!


O que é IPTV?

Trata-se de uma abreviação para Internet Protocol Television, ou Televisão por Protocolo de Internet. A forma mais simples de entender isso é com um sinal de televisão que, em vez de ser transmitido via satélite ou cabo de TV, chega até sua casa por meio de um endereço de IP e uma rede de internet, seja privada ou pública, sendo mais recomendada uma rede via cabo, para melhor experiência. Fora isso, seu uso é o mesmo de qualquer transmissão normal, com o sinal sendo convertido em imagem e exibido na tela.


Como a IPTV funciona?

Ao assinar uma transmissão de IPTV, você recebe um endereço de IP que será referência para o sinal. Esse sinal de TV pode ser utilizado em diversos aparelhos conectados à mesma rede, como smart TVs, celulares, videogames, entre outros. Porém, para ser convertido em imagem, é necessário um conversor específico, que pode ser um Setupbox conectado à tela ou um aplicativo dentro do seu dispositivo.


É legal ou pirataria?

Em resumo, não é pirataria.


Para pessoas que ainda não conhecem a IPTV, por se tratar de uma transmissão online de conteúdo, pode parecer que é um serviço de pirataria. E, de fato, se você não tiver cuidado, pode acabar assinando algo assim. Porém, a IPTV é um serviço homologado pelas próprias programadores donas dos canais em questão.


A verdade é que existem várias empresas de TV por assinatura que já oferecem essa modalidade, mas também existem casos de pessoas que vendem links clandestinos, o que configura pirataria. Basta ficar atento a listas de canais que você encontra online e a seus serviços de transmissão.


Como usar a IPTV em casa?

Primeiramente, você deve encontrar uma empresa que forneça uma assinatura de IPTV, que já vem com uma lista de canais disponíveis. Em seguida, basta adquirir um conversor de sinal de IPTV. Você também pode utilizar um aplicativo conversor de sinal caso pretenda assistir os canais em uma TV smart compatível ou em aparelhos móveis.


No geral, esse tipo de transmissão apresenta maior qualidade de imagem e som que o sinal tradicional de TV. No entanto, sua rede ainda precisa ser boa o bastante para dar suporte a esse conteúdo. Uma velocidade inferior a 4 mb/s, por exemplo, dificultaria bastante a visualização.


Agora que você sabe o que é IPTV, pode buscar este serviço agora mesmo. É uma forma simples de conseguir melhor qualidade de som e imagem, especialmente se você já tem boa internet.


Que tal ajudar mais pessoas? Esclareça sobre as vantagens da IPTV compartilhando este artigo em suas redes sociais!